sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

O tempo... Está passando!


Neste último mês de dezembro de 2008 que está caminhando a passos largos para o fim. Dando a chance de se iniciar um novo ano e assim nossas expectativas de boas novas. Eu estou incontrolavelmente obcecado por leituras diversas. Leio tudo que está ao meu alcance, sem pré-conceitos estabelecidos como antes. É uma amostra de revolução porque não? Isso para crescimento próprio, que só eu e você podemos fazer por nós mesmos. Faço para manter a minha mente alimentada, viva e saudável. Mergulhei nesse mundo desconhecido; que até então era superficial. É bom tomar conhecimento sobre fatos, histórias de pessoas e lugares. Percebo que estou iniciando uma jornada longa e que só findará com meu último suspiro.

Eu não tenho a pretensão de falar minhas verdades, nem de querer escrever como grandes poetas e escritores, Drummond, Quintana, Borges e entre tantos outros que se tornaram mais belos e sábios. Conheço uma verdade muito maior, mas todos nós temos algo a contribuir não é?
Mas a vida gira em volta dessas coisas são tantos caminhos que é necessário decidir. Que fazemos e deixamos de fazer. Ações e determinações, aquilo que alcançamos e deixamos de alcançar. Plantamos, colhemos. Por onde trilhar... E ai vai!
Eu seguirei e procurarei ser imitador daqueles maiores que eu.

Eu falei do fim de 2008, no início porque representa pra mim algo que julgo importante. Esse ano praticamente já passou e não fiz muito por mim. Mas eis a chance de melhorar tudo; nesse mês pude pensar e enxergar com toda lástima, sem dúvidas que me peguei pedindo a direção de Deus pra 2009. Um homem tem que seguir seu propósito pra viver sua causa!

Sobre tudo e qualquer efeito eu creio no poder de Deus. Na última postagem “sabedoria” eu citei do Deus que precisamos.

Porém, isso tudo é algo que se adquire. E 2009 prometem grandes conquistas!


Escrito por eu mesmo: Marcos Cheinei de Souza.


6 comentários:

Bruna x) disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Palavras ao Vento disse...

Bruna;)
Não precisa agradecer nada, afinal já passou. Só lembrabças!
Por enquanto fico em stand by.

Quanto você "sentir falta" e nem que seja apenas um "amigo" ainda é cedo pra falar, mas a terei uma reação...

O restante o tempo vai dizer como será! E ai sim você vai saber.
Bjo!
Até!

Dayane disse...

To assustada, nao pensei q fosse tao grande a revolucao, hehe...vc escreveu tudo isso? rsrs...parabens! Te amo moru, my best friend!

Bruna x) disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Palavras ao Vento disse...

Bruna;)
Creio que nada nessa vida seja definitivo ou imutável, a menos que permanecemos com nossas escolhas até o fim.

Eu aceito, não me conformo nem acostumo.
Aceitar é seguir sem forçar, é saber que é melhor sendo assim.

Forçar não preciso comentar né?
Conformar é ceder por não ter forças pra cobater.

Agora convenhamos, que o tempo vai revelar, isso é uma questão de tempo!

Beijos e mais Beijos!

Mainka, Bruna. disse...

Quem diria heim!?

A algumas postagens atrás falava de "beijo de despedida", "teorias falidas", dos "aprendizados com a águia", "sobre o tempo que passa rápido", "sobre sabedoria magoada", "perdão sarcástico", "loucuras de um amor não correspondido", "sobre um você que não existiu", "sobre uma vida pela metade", falava sobre tudo aquilo que queria e não queria... Com comentários de pessoas insignificantes hoje e com uma significancia antes ilusória.


Mas afinal, hoje estamos casados e bem casados, esperando o fruto desse amor que está sendo gerado dentro da tua esposa... Eu!
Somos felizes e isso é o que importa... Palavras são ditas, são cuspidas, algumas vomitadas... Mas o que vale são aquelas sentidas.

Eu te amo marido!
Obrigado por nunca desistir de mim de verdade, palavras são só palavras e você enganou muitas, que acreditaram mesmo numa "revolução" kkkkkkkkkkk

<3